EDP Renováveis fecha contrato no Brasil

A elétrica assegurou contrato para vender eletricidade de duas centrais eólicas durante 20 anos.

A EDP Renováveis fechou um contrato de venda de eletricidade no Brasil. A elétrica alcançou um acordo para um contrato de aquisição de energia (CAE) num total de 20 anos para vender a eletricidade gerada por duas centrais eólicas no estado do Rio Grande do Norte.

Segundo comunicado da companhia esta segunda-feira, 8 de julho, as duas centrais – Monte Verde VI e Boqueirão I-II -, têm uma capacidade total de 126 megawatts (MW).  A sua entrada em operação está prevista para 2022.

A elétrica liderada por João Manso Neto conta atualmente com 467 megawatts de energia eólica neste país. “Com este novo contrato, reforça a sua presença num mercado com baixo perfil de risco, através do estabelecimento de contratos a longo prazo, com recursos renováveis atrativos e fortes perspetivas para o sector a médio e longo prazo”.

Segundo a empresa, a EDP Renováveis “tem atualmente mais de 1 GW de projetos de energia eólica e solar em desenvolvimento, dos quais 0,2 GW têm início da operação previsto para 2021, 0,4 GW para 2022 e 0,5 GW até 2023, com todos os contratos de longo prazo assegurados”.

Já contando com este CAE, a EDP Renováveis tem atualmente contratados 3,3 gigawatts dos sete gigawatts de capacidade global prevista para o período 2019-2022.

Fonte: Portugal Global