Portugal oferece oportunidades de investimentos para empresas brasileiras

O evento foi realizado em parceria com a AICEP e apoio da Câmara Portuguesa de Comércio e Indústria do Rio de Janeiro

O Sistema FIRJAN reuniu 150 empresários de diversos setores para discutir as oportunidades de negócios em Portugal, durante o seminário “Investir em Portugal: escolha certa, momento certo”. O diretor da FIRJAN Internacional, Frederico Cesar de Araujo, destacou o interesse brasileiro no mercado português como forma de estimular a evolução das negociações do acordo entre Mercosul e União Europeia: “Estamos em um momento importante desse debate, e Portugal poderá ser um sócio especial do Brasil e do Mercosul em geral”.

A fim de atrair empresas estrangeiras, Portugal oferece incentivos e conta com procedimentos pouco burocráticos. A sócia da Teixeira de Freitas, Rodrigues & Associados, Leonor Xavier, destacou que, antes de investir, o empresário deve estudar quais são as condições oferecidas para o tipo de serviço ou produto que ele trabalha. “O governo português oferece uma série de benefícios personalizados, o que inclui também isenções de impostos e incentivos fiscais em diferentes níveis. Há espaço para investir em Portugal de forma pouco burocrática e com grandes perspectivas de crescimento”, assinalou.

Contudo, conforme alertou o presidente da Câmara Portuguesa de Comércio e Indústria do Rio de Janeiro, Ricardo Coelho, não basta apenas conhecer a legislação e os incentivos portugueses. Antes de investir, é preciso trocar experiências e contatos com quem já opera naquele mercado: “Confio que esse evento é uma oportunidade para abrir possibilidades diversificadas de negócios e trocas, além de estreitar ainda mais o vibrante relacionamento entre Portugal e Brasil. Esse é o caminho para realizar investimentos e ter sucesso”.

Um dos gargalos da relação comercial entre os países ainda é o pouco conhecimento mútuo. “Precisamos redescobrir mutuamente nossos mercados e de que forma os investimentos podem ser mais sustentáveis e produtivos”, observou o assessor do secretário de Estado de Internacionalização de Portugal, Imran Mohamed.
Oportunidades e vantagens

Para a cônsul-adjunta de Portugal no Rio de Janeiro, Susana Audi, o país pode ser uma porta de entrada para que os brasileiros estabeleçam relações comerciais na União Europeia: “É possível notar um crescente interesse do Brasil pelo nosso país, o que é evidenciado pelo alto número de turistas, residentes e estudantes brasileiros em Portugal. Julgo ser indiscutível que, na Europa, somos o país mais próximo dos brasileiros e é por isso que somos chamados de ‘porta de entrada’ para aquele continente”.

As oportunidades e vantagens de investir em Portugal foram tema da palestra do diretor da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), Carlos Moura. Ele destacou que, além dos benefícios fiscais e isenção em alguns impostos, Portugal oferece outras vantagens para quem deseja empreender no país.

“Este é o momento certo para investir porque temos 28 milhões de euros disponíveis para empresas. Portugal é um país moderno, bem localizado, está no topo do fornecimento de serviços tecnológicos e é aberto para os investimentos estrangeiros, além de ser o 15º país do mundo em infraestrutura. Portanto, queremos que essas oportunidades sejam aproveitadas pelo Brasil, um mercado que nos interessa profundamente”, pontuou.

O evento, realizado em parceria com a AICEP e com apoio da Câmara Portuguesa de Comércio e Indústria do Rio de Janeiro, aconteceu em 19 de setembro, na sede da Federação.

Fonte: http://www.firjan.com.br/